Economia
16/09/2011
Foto
A cidade de São José dos Campos assumiu a segunda colocação no ranking nacional de exportações

Exportações de São José têm aumento de 75% em agosto

São José dos Campos alcançou a segunda posição no ranking nacional dos municípios exportadores de produtos industrializados, atrás apenas de São Paulo e ultrapassando São Bernardo do Campo. De acordo com os dados divulgados nesta sexta-feira (16) pelo Ministério do Desenvolvimento da Indústria e do Comércio, as exportações do município no mês de agosto chegaram a US$ 652 milhões.

O balanço feito pela Secretaria de Comércio Exterior demonstra que as exportações de São José dos Campos aumentaram 75,69% em agosto desse ano, em relação ao mesmo mês do ano passado. Foi o mês de melhor desempenho e o total exportado representou 25,2% do volume acumulado no ano. Em agosto de 2010 as exportações foram de US$ 371 milhões.

Os principais produtos exportados por empresas do município são os aviões, veículos, aparelhos de transmissão de telefonia celular, peças aeronáuticas, helicópteros, autopeças e produtos médicos. Os principais compradores no período foram a Argentina, Estados Unidos, China, Alemanha e Espanha. Outros que tiveram volume de exportação maior que São José são apenas produtores de matérias primas, como minérios, ou têm portos onde as vendas internacionais são processadas.

As exportações em agosto tiveram um acréscimo de US$ 374 milhões, o que representou aumento de 135% em relação ao volume exportado em julho desse ano. Segundo a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e da Ciência e Tecnologia, os números são o reflexo do reaquecimento do mercado internacional dos setores automotivo e aeronáutico, em especial na Argentina e nos Estados Unidos. Esse movimento teve início neste segundo semestre e produziu novas oportunidades de negócios para as empresas destes setores instaladas em São José dos Campos.

No acumulado do ano, as exportações do município somam US$ 3.233 bilhões, ultrapassando em 8,94% o desempenho do mesmo período do ano passado, quando foram registradas vendas externas no valor de US$ 2.967 bilhões. De janeiro a agosto, o saldo da balança comercial no município acumula superávit de US$ 953 milhões.

Mais notícias
Inovação e Desenvolvimento Econômico