Cultura
26/02/2016
Feira de Saberes e Fazeres faz montagem de bonecões neste sábado
Uma vivência sobre montagem de bonecões vai movimentar a Feira de Saberes e Fazeres – Trecos e Tarecos, que será realizada neste sábado (27), das 10h às 14h, no Parque Alambari (Avenida Antônio da Costa Nunes, s/nº - Campos de São José). As atividades são gratuitas e fazem parte do Projeto Ecomuseu Campos de São José, desenvolvido desde março do ano passado pelo Centro de Estudos da Cultura Popular (CECP). 

O tema da vivência surgiu nas rodas de conversa realizadas semanalmente pelos integrantes do projeto, para aumentar o número de participantes e visitantes na Feira de Saberes e Fazeres, realizada mensalmente no bairro. 

Nesta sexta-feira (26), a partir das 14h, os participantes do projeto farão um cortejo pelas ruas do bairro, utilizando um bonecão do Projeto Piraquara, da Fundação Cultural Cassiano Ricardo (FCCR). 

“O objetivo do cortejo e da vivência é chamar a atenção dos moradores que não conhecem a feira e não participam do projeto”, explicou Maria Siqueira Santos, coordenadora do Projeto Ecomuseu. A vivência sobre montagem de bonecões terá continuidade em março, no dia 5, das 9h às 12h, na unidade da Fundhas, e no dia 12, das 10h às 14h, novamente no Parque Alambari. 

Durante a Feira de Saberes e Fazeres, os participantes podem expor e vender produtos artesanais e comestíveis feitos por eles mesmos. O grupo também participa da montagem e divulgação da atividade.

“Uma das principais características entre os participantes do projeto é a colaboração com o outro e o espírito de iniciativa para lutarem por aquilo que eles entendem ser melhor para o bairro e seus moradores”, destacou Maria. Até o fim do ano serão realizadas mais dez feiras.

O Projeto Ecomuseu, conta com apoio da Prefeitura de São José, Fundação Cultural Cassiano Ricardo (FCCR), Museu do Folclore de São José dos Campos, Associação Brasileira de Ecomuseus e Museus Comunitários (Abremc) e Comissão Nacional do Folclore (CNF). E tem o patrocínio da Petrobras.

Mais notícias
Fundação Cultural Cassiano Ricardo
Governança