Teatro de Natal
06/12/2017

Carregando imagens...

Espetáculo contagia público de 600 pessoas no Centro da Juventude

Na noite desta terça-feira (5), aproximadamente 600 pessoas assistiram ao espetáculo “A Magia do Natal”, no Centro da Juventude, na região sul de São José dos Campos -- resultado de uma parceria da Fundhas (Fundação Hélio Augusto de Souza) a Ajas (Associação Joseense de Assistência Social) e a Orquestra Luzes da Ribalta. 

Muito aplaudido, o elenco, com mais de 70 componentes encantou o público em uma  produção que contou a emocionante história de uma menina que duvidava da existência do Natal e   para tirar essa dúvida, um exército de fadas, elfos e duendes a transporta  enquanto ela dorme para  fábrica de brinquedos do Papai Noel. 

Élcio Martins Miranda, 35 anos, morador do Bosque dos Eucaliptos, a zona sul, levou a sobrinha, a mãe e a namorada para assistirem ao musical. “Estava tudo muito lindo e, além de contar uma história emocionante, os artistas fazem uma interação muito divertida com o público”, disse.

Fernanda Romancini, 35 anos, moradora da zona norte, elogiou a apresentação, a dança e o figurino. “Estava perfeito e eu trouxe a minha filha de 1 ano e três meses e meu sobrinho de 6 anos para que eles comecem a assimilar o verdadeiro sentido do Natal porque a peça mostra isso”, disse.

William Wanderlan, 30 anos, é o maestro da Orquestra Luzes da Ribalta e se mostrou muito satisfeito com o resultado da parceria. “Os integrantes da orquestra tiveram que se adaptar e interagir em um espetáculo que mistura teatro, dança, música e outras artes o que proporciona um grande aprendizado. Foi um verdadeiro trabalho em equipe”, afirmou.

Thaina Priscilla, 14 anos, participa da fanfarra e fez o papel de soldadinho de chumbo na apresentação. “Na primeira vez estava nervosa, tinha muita pressão. O espaço é maior hoje e estava  mais cheio, mas mesmo assim fiquei tranquila, apesar do medo de errar na hora de tocar sincronizado, mas deu tudo certo e nós fomos muito aplaudidos”, disse.

A protagonista do espetáculo Giovanna Ceron Gonçalves, 15 anos, acredita em Papai Noel, diferente da personagem Sofia. “A vida tem de ter magia sim e é só a gente acreditar. A magia, na verdade, está dentro das pessoas”, acreditou. 

 A equipe levou cinco meses de preparação da peça. O espetáculo foi realizado em um palco de 24m² e contou também com uma equipe técnica de 20 integrantes.

Com esta apresentação, chega a 1.800 pessoas o número de pessoas que já assistiram ao espetáculo. Até o Natal espera-se que 2.500 pessoas sejam beneficiadas com o espetáculo.

Mais notícias
Fundhas